Sobre

AVIÕES MILITARES
POR UMA HISTÓRIA DA AVIAÇÃO MILITAR... 

Para quem gosta de aviões...e hisória recente...

Se gosta deste trabalho, que tem consumido longas horas de pesquisa, tradução e sistematização de informação, contribua com um pequeno donativo. Qualquer montante será bem vindo e de igual forma agradecido.


Este é um trabalho de pesquisa que procura antes de mais satisfazer a vontade de saber e conhecer tudo o que se relacione com a aviação militar, em particular sobre a sua base, os aviões de combate.

O avião de combate surgiu no inicio do século XX no inicio de um dos periodos mais negros da historia da humanidade, a Primeira Guerra Mundial e a partir daí, nunca mais deixou de tomar parte nos conflitos e guerras subsequentes. A guerra é, infelizmente, uma realidade que está presente ao longo de toda a história da humanidade, mas tornou-se particularmente destrutiva a partir da Primeira Grande Guerra, por muitos considerada a "mãe" de todos os conflitos subsequentes até ao dias de hoje.

Mas se é na guerra que encontramos refletido o que o homem tem de pior, nela, encontramos também (com algum esforço de observação) o que o mesmo homem consegue de melhor, o esforço, a entreajuda, a capacidade de superação, o espirito de sacrificio e a humanidade (no outro sentido da palavra).

Ao contrário do que poderá parecer à primeira vista, o interesse por aviões militares não tem qualquer espírito belicista associado, pelo contrário, o que fascina na aviação militar e na sua história é que ela demonstra muito claramente que a capacidade e vontade criativa do homem não tem limites e que essa capacidade atingiu sempre o seu auge durante e após as mais graves crises com as quais a humanidade foi confrontada, as mais recentes foram as Guerras do Século XX.

Foi durante estes, recentes e negros, períodos da história humana que a aviação militar nasceu (1ª Guerra Mundial) e se desenvolveu (2ª Guerra Mundial), possibilitando o arranque do desenvolvimento tecnológico que no período de paz seguinte (se considerarmos paz a ausência de conflitos generalizados) possibilitaria o aparecimento e democratização do transporte aéreo.

Por outro lado, as tecnologias desenvolvidas para fins militares, quando utilizadas para fins pacíficos permitiram o inicio da conquista do espaço (a ultima fronteira) e a entrada na era digital.

Voltando a questão, este trabalho, é antes de mais um trabalho de pesquisa individual cuja fonte primária é toda a informação que se pode recolher da Internet. As fontes são em geral citadas (peço desculpa se alguma o não for).

Sendo individual está mais sujeito a erros que se fosse um trabalho colectivo, pelo que, tendo consciência do facto, são bem vindos todos os comentários construtivos que visem melhorar ou rectificar a informação.

Por outro lado não tenho a intenção obter e apresentar uma informação excessivamente detalhada ou excessivamente técnica (para a qual, alias, não disponho de conhecimentos), antes uma pequena abordagem histórica de cada aeronave, seja na sua concepção e desenvolvimento, como na sua utilização ou importância.

A Força Aérea Portuguesa (FAP), como não poderia deixar de ser, tem um tratamento especial, sendo referido, em cada aeronave que tenha estado ao serviço da FAP a informação disponível e consultada referente a sua utilização em Portugal.

José Alfaiate, Portugal, 24 de junho de 2015



José Alfaiate, Portugal, 19 de setembro de 2016